Estudo científico comprova a efetividade do CBD nos distúrbios convulsivos

Estudo comprova eficácia do CBD nos distúrbios convulsivos

Excelentes notícias na área medicinal, Banzers!
Um estudo científico conduzido pela Universidade do Alabama Birmingham demonstrou que o CBD (cannabidiol) é um tratamento eficaz nos distúrbios convulsivos não tratáveis com métodos tradicionais.

Os resultados foram publicados no Jornal da Epilepsia e Comportamentos. De acordo com esse estudo, o CBD reduz efeitos adversos e severidade da convulsão. Há indícios que levem a crer que o CBD também promove redução na frequência das crises. Foram envolvidos 132 pacientes, 72 crianças e 60 adultos diagnosticados com epilepsia severa não responsiva a outras medicações.

Alguns resultados muito interessantes foram atingidos. Primeiramente, a frequência média de convulsões no início da pesquisa era de 144 crises no intervalo de 15 dias. Após 12 semanas sendo acompanhados no estudo, a média de crises reduziu para 52 no mesmo intervalo de 15 dias.

“É um resultado altamente significativo na redução do número de convulsões alcançada pela maioria dos pacientes, 2/3 de todos os participantes do estudo.” Professora Martina Bebin, do Departamento de Neurologia da Escola de Medicina do Alabama.

Esses excelentes resultados chegam juntos à aprovação do FDA para um medicamento industrializado de uma droga derivada da cannabis, o Epidiolex. (Saiba mais sobre esse medicamento nesse nosso post)

A torcida é grande para vermos cada vez mais comprovações científicas sob o mesmo ponto de vista.  Isso por que sem dúvida, elas nos ajudam a desmistificar o conceito errôneo que maconha só tem malefícios.

Banzai!

Estudo científico comprova a efetividade do CBD nos distúrbios convulsivos

Shoulder Bag de Cânhamo do Dr. Banz
Shoulder Bag de Cânhamo do Dr. Banz
X
Add to cart