Dr Banz - ONU retira CANNABIS da lista de substancias mais perigosas

ONU retira CANNABIS da lista de substâncias mais perigosas

Salve Banzers!

59 anos.

Demorou apenas 59 anos para que a Organização das Nações Unidas (ONU) reparasse uma das maiores mentiras já contadas para a humanidade.

Em dezembro de 2020, a Comissão de Drogas Narcóticas (CDN) da ONU, votou por remover a cannabis da lista de substâncias mais perigosas.

De acordo com o portal de notícias da ONU, após revisão de uma série de recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS) da cannabis e seus derivados, a CDN votou pela decisão de retirar a maconha da lista IV da Convenção de Drogas Narcóticas de 1961!

Para que você tenha ideia do absurdo do que é esse documento, a maconha estava listada como substância de alta periculosidade sem valor terapêutico, como a heroína.

Inacreditável e Triste.

Pense em quantas pessoas ao longo desses anos não puderam receber alívio para doenças com claras indicações de ação terapêutica da cannabis.

O uso medicinal da maconha foi negado a milhares de pessoas, por uma campanha proibicionista e baseada em mentiras e jogo político.

A decisão tomada no finalzinho de 2020, abre a porta do reconhecimento das propriedades medicinais e dos benefícios que a cannabis pode proporcionar à vida das pessoas.

Depois de anos validando o negacionismo, apoiando a mentira, tirando o direito de uma alternativa medicinal efetiva para inúmeras doenças, finalmente a ONU dobra o joelho à verdade.

Um tapa na cara de terraplanistas e governantes de países proibicionistas como o nosso.

Uma vitória tardia, mas de imenso valor para a Maconha!

BANZai!

Fontes: 01 e 02 e 03

Eco Shoulder Bag
Eco Shoulder Bag
X
Add to cart