Dr Banz - III Expo Head Grow

III Expo Head Grow

  • Dr Banz - III Expo Head Grow

08 de Junho de 2019. III Expo Head Grow

Esse dia já ficou marcado com uma data mais que especial para todos nós que fumamos ou simpatizamos com a maconha, que lutamos pela legalização, que contribuimos com o crescimento do mercado cannábico e, principalmente, pela liberdade de expressão.

Esse foi o dia do III Expo Head Grow, que aconteceu no Parque Maeda em Itu, interior de SP. Para quem esteve nos anos anteriores, essa foi uma baita evolução. Um evento de proporções absurdas, bela organização, produção fantástica e a presença em peso do público que só fortaleceu!

Mas o que é a Expo Head Grow? Para quem não conhece, esse é um evento em formato de feira de negócios, com expositores ligados ao mercado da cannabis. De fato, tinha de tudo: tabacarias (headshops), lojas de produtos para cultivo, fabricantes de bongs, piteiras, dichavadores e acessórios, marcas de seda, equipamentos para extrações, produtos de moda, cervejas terpenadas, agência de tours cannábicos e mais.

Além disso, o evento teve uma programação de palestras (muito interessantes!) e um line-up de shows fodásticos num palco grandioso, que fez a trilha sonora de todo o evento. Teve a banda Usuários tocando Planet Hemp, teve Cidade Verde, teve Planta & Raíz e tiveram outras bandas que criaram toda a vibe alto astral que dominou o lugar. E toda aquela grama? Virou o local perfeito pra galera descansar, fumar uns banzas, bater um papo, comer, beber e deixar a brisa tomar conta.

Shoulder Bag de Cânhamo do Dr. Banz

E por falar em brisa…

Coisas surreais aconteceram, como a “Session In The Sky”. Sabe aqueles restaurantes nas alturas levantados por um guindaste? Imagina que ao invés de uma restaurante, era tipo um bar onde a galera sentava para fumar, bongar e encher a cabeça de fumaça e adrenalina. Doidera mesmo!

Outra atração surreal foi a palestra de “Extrações sem Solventes” das maravilhosas Alice e Maria da Girls In Green. Auditório lotado e conteúdo de primeira qualidade. Um assunto novo pra muita gente. E que acreditamos ser a melhor opção para consumir cannabis com qualidade e reduzindo alguns danos para a sua saúde.

E já que o negócio do Dr Banz é moda, chegou a hora de falar do lifestyle da galera. Estilo teve de sobra! Camisetas, jaquetas, bonés, acessórios, tatuagens, dreads e muita atitude! Um evento que casou perfeito com o Cannabic Lifestyle.

Valeu galera da Expo Head Grow! Vocês certamente mandaram muito bem!

Banzai !!!

Dr Banz Viajando para o Museo del Cannabis

Viajando para o Museo del Cannabis

Pisar em solo normalizado já é diferente! Você se sente mais respeitado por sua opção de vida e certamente troca a preocupação por pensamentos mais saudáveis. E inclusive tem material suficiente para estudar e entender mais sobre o que gosta.

Cada um tem suas prioridades em uma viagem. Porém se a sua meta é economizar e de quebra ganhar um mini roteiro de como chegar ao Museo del Cannabis no Uruguai…

…continue lendo…

Caso você tenha entre 15 e 29 anos, aposte no ID Jovem! Busque saber se você se encaixa no perfil de beneficiário. Esse serviço te possibilita acesso aos benefícios de meia-entrada em eventos artístico/culturais e esportivos. Além de vagas gratuitas ou com desconto no sistema de transporte coletivo interestadual. Ou seja: com antecedência, de SP para POA, o valor de taxa fica R$ 9,69 (de acordo com a temporada). Sendo assim, descendo no ponto final – o Terminal Rodoviário da cidade – dirija-se para um dos guichês ou compre online uma passagem para Chuy.

DICA: Caso você opte pela empresa Planalto (R$ 148,00 a R$ 223,00) há uma sala de espera com Wi-Fi e banheiros disponíveis. Isso porque para utilizar os toaletes da Rodoviária deve-se pagar R$ 3,50, logo, de acordo com o seu tempo de espera talvez seja mais viável incluir no valor de diferença da passagem e chegar a um resultado final escolhendo o que é melhor pra você no momento.
Banner Stoned Collection Dr. Banz
Na cidade de Chuy o que separa o Uruguai do Brasil é uma avenida. Atravessando-a é possível comprar sua passagem para Montevideo, que fica no valor de $760 pesos (R$ 87,30 reais). É tranquilo ir andando até o Museo. Use o Wi-Fi do ônibus antes de sair e carregue no App Maps para saber por onde deve seguir. Mas já adianto que é só seguir uma avenida.

O Museo del Cannabis

Chegando no Museo a entrada sai por $200 pesos (R$ 23,00) e não há validade. Você pode tanto voltar para rever as informações cannábicas quanto para desfrutar do bar que também existe ali no espaço.

No total o gasto fica em torno de R$ 268,00 já com a entrada do Museo. No entanto, se você não se enquadrar no Sistema ID Jovem, a passagem de São Paulo direto para Montevideo de ônibus custa de R$ 530 a R$ 700,00.

Enfim, no Museo é possível ver grandes plantas de cannabis, tipos diferentes de cultivo, tocar em materiais de origem do cânhamo… e se sentir transformado por uma onda de informações!

Quem já tem uma viagem assim programada?

Banzai!

Dr Banz - O que é Blunt

O que é BLUNT?

  • Dr Banz - O que é Blunt

Quando falamos sobre BLUNT, essa é a primeira pergunta que surge: É UMA SEDA?

Primeiramente, para responder essa questão e seguirmos juntos na mesma linha de raciocínio, podemos voltar um pouquinho no passado. E entender de onde surgiu essa ideia e pra que serve atualmente.Banner Stoned Collection Dr. Banz

As primeiras aparições foram em Nova York – meados dos anos 80 – quando os charutos eram abertos cuidadosamente com a finalidade de retirar o tabaco e rechear com erva. Assim o “charuto” queimava lentamente e disfarçava o cheiro em público – arte tradicionalmente conhecida como CEGO.

De qualquer forma o tabaco persistia. Pois a folha do charuto é confeccionada com a folha de tabaco, onde há porcentagem de nicotina. Com a tecnologia a nosso favor e necessidades diferentes do consumidor, contamos hoje com um leque de opções de BLUNTS com e sem tabaco.

A BLUNT deve ser escolhida de acordo com a sua expectativa. Se você busca gostos e aromas mais acentuados deve-se atentar ao aspecto mais úmido da folha, geralmente as que ganham nesse quesito perdem um pouco quando falamos em queima uniforme. Já as BLUNTS mais secas são mais fáceis de enrolar caso você seja iniciante no assunto.

Sabores e Formas

Os sabores tradicionais de morango, uva, melancia, baunilha e chocolate preto são facilmente encontrados. Já os novos como double cup, chocolate branco e mel são concorridos pela procura e naturalmente com o preço mais salgado. Caso seja somente o estilo que te atraia e não o sabor, vale a pena conhecer as BLUNTS naturais de hemp. Elas confeccionadas com cânhamo e livres de tabaco.

As BLUNTS são vendidas de duas formas: em folhas retas e folhas enroladas. Não se ache o sortudo caso você abra a embalagem da BLUNT que vem enrolada e encontre folhas de “celulose”. Os plásticos que as envolvem estão longe de serem próprios para fumo. Assim como o canudinho transparente que só serve para manter o formato enrolado da folha.

Dr Banz - O que é Blunt

Afinal, por que fumar na BLUNT e onde encontrar?

Gosto é igual erva, cada um tem o seu e de vez em quando divide… o porquê parte daí! Além de ser algo totalmente glamouroso, principalmente nas cenas Hip Hop, Trap e Rap, também ajuda a disfarçar o cheiro do conteúdo. Caso o FIRE seja em local que não seja LEGA; ou simplesmente por conta de um lifestyle de gosto, aroma e diferentes formas de poder queimar a ganja e preparar o seu banza.

As blunts são comercializadas e facilmente encontradas em tabacarias, bancas de jornal e até mesmo em padarias.

Enfim, qual o seu sabor preferido?

Banzai!

Dr Banz - Hollyweed Banzers Mike Tyson

Hollyweed Banzers: Mike Tyson

  • Dr Banz - Hollyweed Banzers Mike Tyson

Salve Banzers!

Após um intervalo na seção Hollyweed Banzers (para lançarmos a nossa coleção de camisetas Stoned T-Shirts), voltamos para falar de uma lenda viva do esporte. Ele já atuou em muitos filmes de Hollywood e agora está se tornando um ícone da indústria cannábica!

Ladies & Gentleman!
On the green corner…
Medindo 1,78m…
Pesando 109 kg…
O ex-campeão Mundial da Federação Internacional de Boxe e da Associação Mundial de Boxe…
“IRON” MIKE TYSON!

Após uma infância conturbada, onde flertou com a vida criminal desde cedo, Tyson iniciou-se no pugilismo aos 11 anos de idade quando foi internado num reformatório para jovens delinquentes. Aos 12 anos pesava mais de 80 kg, com musculatura bem avantajada para um garoto, aos 15 já era um peso pesado veloz e nocauteador, aos 18, nem mesmo seu treinador ficava de pé durante os treinamentos. Como resultado, aos 20 anos, tornou-se campeão mundial, o mais jovem peso pesado a conquistar o título!

Mas quando completou 30 anos, já era possível perceber que precocemente também estava perdendo vigor físico e sua carreira devastadora de nocautes e títulos mundiais infelizmente chegava ao fim. Mas ele revidou, seguiu batalhando depois de muitos percalços na vida. E agora ressurgiu se tornando um grande empreendedor do cannabusiness!

Mike Tyson e dois sócios (Robert Hickman e Jay Strommen) planejam construir o Tyson Ranch. Será um resort que contará com escola para o plantio da cannabis, com orientações de profissionais do rancho, laboratório de extrações, além de loja de equipamentos e suprimentos para cultivo. Localizado na cidade de California City, no meio do deserto de Mojave, ele terá espaço de acampamento premium e cabanas para hóspedes, anfiteatro para música ao vivo e uma fábrica de edibles (produtos comestíveis de maconha)!

Esse é o tipo de negócios que a legalização traz e de fato impulsiona a economia local. Quer seja através do turismo, quer seja através do consumo tributado da erva. Com padrões de produção e industrialização, multiplicação de conhecimento e principalmente o respeito ao cidadão! Agora quero ver visitar o Tyson Ranch, não pagar a conta e ter que se acertar com o gerente!

Banzai, Mike Tyson !!!

Fonte: https://theblast.com/mike-tyson-marijuana-cannabis-tyson-ranch/

Shoulder Bag de Cânhamo do Dr. Banz

Dr Banz - O que esperar de 2019

O que esperar de 2019?

Salve Banzers!

Tentar prever o que vai acontecer no cenário cannábico do Brasil, é um tiro no escuro.
Mas não podemos deixar de entender o cenário que teremos em nosso país em 2019.

De fato, tudo é uma grande incógnita quando o novo governo assumir, o presidente eleito já se posicionou contra qualquer movimento pró legalização de qualquer droga hoje considerada ilícita. Mas isso todo mundo já sabe, nada de novo no front.

Mas como vai ser?

É a volta do comando que não quer o debate, que reprime movimentos populares como a Marcha da Maconha, que segrega a própria população? Ou o diálogo subirá de nível, presenciaremos uma mudança de entendimento e maturidade cultural que nos levará a legalização em escala nacional?

O Congresso Nacional de 2019

O novo Congresso Nacional eleito nas últimas eleições, possui o seguinte perfil, segundo pesquisa do site G1:

– 49 dos deputados federais eleitos são totalmente à favor da legalização do uso da cannabis, representam 10% da câmara;
– 213 deputados apoiam o uso medicinal da cannabis, representam 42% da câmara;
– 130 deputados federais são totalmente contra qualquer nível de legalização ou uso da cannabis, totalizam 25%;
– (e pasmem…) 101 deputados inesperadamente não quiseram responder ao questionário proposto e 20 deles não quiseram responder a essa pergunta, 24% da câmara dos deputados foge descaradamente do debate.

Com esse cenário, precisamos lembrar que tivemos a aprovação do projeto de lei que descriminaliza o cultivo da maconha para uso medicinal em comissão do senado federal, agora o projeto vai para a Comissão de Constituição e Justiça antes de seguir para o plenário do Senado para só então ser analisado pela Câmara dos Deputados. A proposta teve origem em um mecanismo chamado Ideia Legislativa. Por meio da ferramenta, qualquer cidadão cadastrado no site do Senado pode oferecer sugestões de projeto. A proposição recebeu o apoio de mais de 20 mil pessoas no portal e-Cidadania do Senado Federal.

Muitas incertezas pairam num breve futuro, teremos que ver para crer e crer para ver.

O fato concreto é que o movimento pró legalização não vai perder força, certamente continuaremos a multiplicar o conhecimento medicinal e divulgar conteúdo sobre a cultura, moda, arte e música do nosso lifestyle! Saibam que o Doctor Banz virá com muita novidade em 2019! Conteúdo consciente, novos produtos com tecnologia inovadora e muita vontade de fazer diferente, do nosso jeito! Novos parceiros, novas colabs, eventos sociais, viagens, brisas e muita coisa boa por aí!

Pode vir 2019!
We are fucking ready!
Banzai !!!

Fontes:

https://g1.globo.com/politica/noticia/2018/11/27/mais-de-40-dos-deputados-eleitos-dizem-ser-a-favor-da-legalizacao-da-maconha-apenas-para-uso-medicinal.ghtml

https://www12.senado.leg.br/noticias/materias/2018/11/26/maconha-para-uso-medicinal-na-pauta-da-cas

https://www12.senado.leg.br/noticias/materias/2018/11/28/cas-aprova-descriminalizacao-da-maconha-para-uso-medicinal

Shoulder Bag de Cânhamo do Dr. Banz

Dr Banz Expo Cannabis Uruguay 2018

Expo Cannabis Uruguay 2018

  • Dr Banz Expo Cannabis Uruguay 2018

Hola, Banzers!

Nos dias 07, 08 e 09 de Dezembro estivemos na Expo Cannabis Uruguay. O evento internacional mais importante do mercado da cannabis no país, que realizou a sua 5ª edição em Montevideo.

A Expo Cannabis é principalmente uma plataforma de informação sobre a cannabis medicinal, terapêutica e industrial. Com o intuito de ampliar os conhecimentos sobre os diferentes usos desta planta, colaborando para o desenvolvimento de um novo setor industrial dinâmico e profissional. A feira foi um ponto de encontro entre o setor público, as organizações sociais, empresas, a comunidade cannabica e os banzers curiosos que fazem uso recreativo também.

O evento contou com diversos expositores uruguaios, brasileiros e internacionais. Vimos headshops, growshops, prensas de rosin, roupas e acessórios de moda e instituições, num ambiente bem descontraído. Na parte interna do pavilhão, uma feira bem organizada e profissional, na parte externa um auditório com diversas palestras, shows musicais, food trucks, gramadão pra curtir as good vibes e algumas marcas realizando ações para interagir com o público.

O que percebemos é que esse evento foi bem focado no uso medicinal da cannabis. E também nos pequenos growers, com muita informação sobre cultivo e como ser auto-sustentável. Dos expositores brasileiros, tivemos a honra de prestigiar os stands da Squadafum, Growroom, Hempadão, Papelito (que ganhou o prêmio de melhor stand!), Cifal Distribuidora c/ Puff, Kings, Black Trunk, Bem Bolado e nos perdoem se esquecemos de alguém!

O futuro da Expo Cannabis

A Expo Cannabis ainda tem, de fato, muito para crescer nos próximos anos. Principalmente se o Brasil e outros países conquistarem a legalização também. Empresas estão investindo e passarão a investir cada vez mais nesse mercado, que tem um potencial enorme! E se tudo for bem feito e bem planejado de forma profissional, certamente ninguém segura o cannabis business !!!

Aproveitamos a viagem para conhecer o país que já legalizou a cannabis e passou a comercializar a erva em farmácias desde 2017. Pudemos conhecer alguns grows, clubes cannábicos, o Museo del Cannabis e fomos tentar comprar em uma farmácia … mas adivinhem só: não tinha no estoque! Surpreendentemente, esse é um problema que o país ainda está enfrentando: a falta de cannabis nas farmácias autorizadas. Mas conseguimos fazer o mais importante: fumar maconha legalizada na rua, sem sermos incomodados e sem medo de repressão da polícia ou da sociedade. Crazy!

Hasta la vista, hermanos! Banzai!

Shoulder Bag de Cânhamo do Dr. Banz

Shoulder Bag Hemp

Shoulder Bag Hemp Dr Banz!

  • Shoulder Bag Hemp

Então você está atrás de uma shoulder bag que além de chavosa, precisa ser espaçosa e funcional para carregar seus itens essenciais para o rolê. Você já deu uma pesquisada por aí, mas tudo é muito igual. Nenhuma fala diretamente com o seu style e você continua a procura da shoulder bag perfeita, certo?

Finalmente você chegou ao fim da sua procura!

Shoulder Bag Hemp do Dr. Banz

A Shoulder Bag Hemp do Dr Banz é linda, espaçosa, super style e única pois é feita de um tecido que mescla 40% de cânhamo com 60% de algodão orgânico! Reviramos todos os fornecedores que você pode imaginar atrás de um tecido de cânhamo. Com o intuito de encontrar um que seja bonito e permita a criação de produtos únicos que expressem nossa visão de moda e falem com a causa cannábica!

Sabemos que o cânhamo pode originar alguns produtos como tecidos, medicamentos e até combustíveis. Mas você sabia que ele vai muito além disso? Pão, cereais, manteiga e proteína para consumo podem vir da casca da semente de cânhamo. Do óleo da semente pode-se produzir lubrificantes, tintas e cosméticos. Da fibra dos galhos e troncos surgem produtos para vestuário. Como roupas, sapatos e tecidos (inclusive o que usamos na nossa shoulder bag). Materiais de construção, papel, biocombustível, compostos plásticos e muito mais.

Além de benefícios eco-sustentáveis, é hora de falar sobre o cânhamo. Hora de falar sobre maconha, sobre seu uso social e medicinal. E certamente normalizar o conhecimento e a informação para que aquela visão retrógrada proibicionista aos poucos fique para trás!

Então queridx amigx, junte sua carteira, chave, isqueiro, banza, celular, carregador e tudo o mais que você carrega para o seu rolê e leve tudo na sua Shoulder Bag Hemp Doctor Banz!

Dica quente? Preenchendo um simples cadastro em nosso site no pop-up da home e assinando nossa newsletter, você ganha um desconto de 10% na aquisição da sua Shoulder Bag Hemp!

Banzai!

Lançamento BanZStore

Lançamento da BanZStore, a loja online do Dr Banz!

  • Lançamento BanZStore

Salve Banzers !!!

Hoje realizamos o sonho de finalmente termos no ar a BanZStore, a loja online do Dr Banz!

Poderemos levar até você produtos idealizados com muito cuidado e carinho por retratarem nossa visão da cultura e lifestyle cannábicos!

Na BanZStore você poderá comprar nossa exclusiva Shoulder Bag Hemp, produzida com tecido 40% cânhamo e 60% algodão orgânico, perfeita para te acompanhar no dia a dia e carregar sua carteira, celular, carregador, seda, isqueiro, chaves, chiclete, banza… enfim, você nunca mais ficará perdido e ainda ganhará um look realmente style!

Para coroar o lançamento da BanZStore, estamos lançando também a pré venda da coleção Stoned T-Shirts, uma linha de camisetas com estampas recheadas de inovação, tecnologia e expressão, com criações para retratar o cannabic lifestyle social e medicinal. Essas camisetas foram produzidas em tecidos de algodão estonado. Isso quer dizer que ficam com um visual super estiloso e muito confortável. Sem contar nos efeitos super diferenciados de estamparia.

Conheça a coleção Stoned T-Shirts do Dr Banz ao longo dessa semana, escolha a estampa que mais fala com seu coração e alma cheio de terpenos e tricomas e compre aqui na BanZStore!

Temos descrições detalhadas de todos nossos produtos, com medidas e tamanhos para que você faça sua compra direitinho! Aceitamos todos os cartões, parcelamos compras e despachamos para todo Brasil, basta calcular o frete e se ligar nos prazos de entrega, ok?

Fique ligado pois teremos novidades pintando em nossos canais de comunicação. E você poderá encontrar todas elas na BanZStore!

Principalmente, queremos NORMALIZAR através da MODA. Tamo junto?

Banzai!

Post 68 - Planet Hemp

Planet Hemp – Adivinha Doutor quem está de volta na praça?

Salve querida esquadrilha da fumaça!

O Planet Hemp definitivamente está de volta na praça!

Filme, livro, 25 anos, tour, entrevistas….de fato, nunca vimos tanto do Planet como nos últimos meses.
Os 25 anos de carreira certamente celebram a história do Planet Hemp de maneira verdadeira, sincera e pagam tributo a banda mais “True Cannabic Lifestyle” do mundo!

Porque ser Cypress Hill nos EUA é uma coisa (jamais desmerecendo!), mas ser Planet Hempah no Brasil é outro rolê!
O filme “Legalize Já – A amizade nunca morre”, estreou em diversas salas espalhadas pelo país no dia 18/out e conta os primeiros passos da banda nos idos de 93, dirigido por Johnny Araújo e Gustavo Bonafé, com gratas interpretações de Renato Góes e Ícaro Silva que tiveram uma química realmente muito boa para interpretar Marcelo D2 e Skunk.

Em Dez/18 será lançado oficialmente o livro “Planet Hemp: Mantenha o Respeito”. Do escritor Pedro de Luna, traz curiosidades e histórias inusitadas da banda ao longo desses 25 anos de história.

Enquanto o filme enfoca a amizade entre Skunk e D2, o livro mostra que o papel da banda era realmente de vanguarda no debate sobre a legalização da maconha. E também sobre a liberdade de expressão e protesto ao momento político do Brasil.

Tudo isso através do relato de histórias que o autor coletou através de pesquisas e entrevistas com todos os integrantes que passaram pela banda.

Além disso a tour do Planet Hemp anda disputada e fãs andam lotando as apresentações como forma de homenagem aos 25 anos de estrada!

Recentemente um show antológico na Fundição Progresso/ RJ, com lotação máxima. Bombou na net, (logo após as eleições) quando na abertura anunciou a “Sai o Vampiro, entra o Demônio!”.

Agenda Planet Hemp

Então meus amigos, não percam a oportunidade de prestar sua homenagem aos 25 anos da banda.
Banda que inegavelmente mais lutou, defendeu, divulgou, abraçou e aguentou as broncas do lifestyle cannábico.
E se liguem na agenda de shows do Planet Hempah!!!!!!!

  • 24/ Nov – Festival Afro System/ Club Aramaçan, Santo André/ SP
  • 01/ Dez – Festival Rock the Mountain/ Estrada União e Indústria, Itaipava/ RJ
  • 08/ Dez – A.A. Portuários, Santos/ SP

Banzai!

Shoulder Bag de Cânhamo do Dr. Banz

Hollyweed Banzers - UFC Diaz Brothers

Hollyweed Banzers: UFC Diaz Brothers

  • Hollyweed Banzers - UFC Diaz Brothers

Hoje o post é pancadaria, Banzers!

Que os irmãos Nate Diaz e Nick Diaz são feras incontroláveis dentro e fora do octógano todos sabemos. Mas certamente um dos lances que mais admiramos nos Diaz Brothers é seu engajamento na causa cannábica. Eles banzam, vaporizam, bongam, tostam e tudo aos olhos de quem quiser ver, sem constrangimento porque é o lifestyle que eles adotaram.

“É o que escolhi para mim, eu gosto de fumar maconha, me ajuda com a ansiedade, me dá foco em treinamentos, me ajuda a liberar a minha essência”, disse Nicholas Robert Diaz (Nick), o mais velho dos irmãos hoje com 35 anos, atualmente ensina jiu-jitsu na academia do irmão Nathan Donald Robert (Nate), 33 anos, que disputava na divisão dos Pesos Leves do UFC.

Exames antidoping

Infelizmente, Nate cumpre suspensão de 5 anos por reprovar em níveis astronômicos num teste surpresa para verificar a presença de drogas.

Após sua luta contra Connor McGregor, Nate foi para a entrevista coletiva com uma vape pen de CBD e foi respondendo as perguntas entre um pega e outro até que foi questionado e mandou: “Isso aqui? (após dar vários pegas ao longo da entrevista), Isso aqui é óleo de CBD! Me ajuda no processo de recuperação, dor, inflamações. Sempre uso depois das lutas!”

E esse foi um excelente empurrãozinho que ajudou bastante naquele momento pré legalização no estado de Nevada.

De fato, o mais triste é ver um dos grandes lutadores de nossa geração não lutar por punição contra o uso de maconha!

Sempre que Nick era reprovado num teste, ele levava a situação de maneira engraçada. Mas com um questionamento que fez muita gente pensar:

“A comissão, o UFC, vocês preferem que eu me entupa de medicamentos opióides para me recuperar, para superar as dores? Isso é ridículo! Eu não posso cuidar do meu corpo como eu quero?!”

E seremos sempre admiradores dos irmãos Diaz, porque além de serem TRUE no lifestyle cannábico, defendem e são ativistas respeitados!

Banzai, Diaz Brothers!

Acessórios Dr. Banz

X
Add to cart