Dr Banz - O BHO

O BHO

Salve Extraction Banzers!

Dentre as muitas formas de extrações, o BHO (BUTANE HASH OIL) é uma das favoritas entre a galera que ama os concentrados.

Principalmente pela potência e pureza dessa extração, o BHO tem diversas apresentações, você já deve ter ouvido falar de crumble, wax ou shatter

Cada uma delas com suas características mais marcantes de sabor, potência e forma de consumo, variam dependendo da umidade, do calor e da purga (processo de eliminação do solvente envolvido) utilizada na produção.

É importantíssimo lembrar que na produção utiliza-se o gás butano como solvente e por ser extremamente inflamável, recomenda-se EXTREMA PRECAUÇÃO se você não tiver conhecimentos em química ou alquimia. Por isso, CUIDADO sempre.

Quer conhecer um pouco mais das diversas formas de BHO?

Shatter

É a forma mais dura do BHO, parece um vidro semitransparente, normalmente detém 80% de THC (!!!), sempre na forma sólida, você precisará de um bong com nail para melhor degustar essa maravilha;

Crumble

É obtido com a purga do óleo em baixas temperaturas, normalmente a conta feita na produção é de 1 hora de processo para obtenção de 1g de BHO. Durante a fabricação o óleo se solidifica, mas como ele “esfarela” facilmente, melhor não o manusear com as mãos e sim com pinças ou espátulas especiais;

Budder

É a forma mais pura do BHO, normalmente fica com 90% de THC e pureza chega a atingir 99%, tem esse nome pois sua consistência se assemelha bastante à manteiga (butter);

Wax

É parecido com o Budder, não chega a esfarelar, mas não dá para ficar segurando nas mãos por muito tempo. É um dos tipos mais comuns de BHO, pois é simples de usar (mesmo precisando de acessórios) que o Sap ou o Shatter;

SAP

Em inglês quer dizer “seiva” e é exatamente assim que essa extração se parece, pegajosa e melequenta. Por isso, cuidado ao manusear, se derrubar um pouco e grudar em algum lugar, vai grudar para sempre;

Óleo

é o que vemos normalmente já envasados nos tanques de vape pen. Práticas e rápidas, requerem apenas um vaporizador.

  • Dr Banz - O BHO

Em países onde a legalização já ocorreu, o segmento das extrações cresce de maneira exponencial. Com regulamentação na produção, conta com instalações seguras, equipamentos apropriados e processos estabelecidos. Em países proibicionistas, como o Brasil, produzir BHO domesticamente já causou diversos acidentes envolvendo explosões pelo manuseio de gás butano, infelizmente algumas delas fatais.

Por isso, saiba que informação sempre será a melhor ferramenta para te levar a lugares, fazer coisas e aprender tarefas de maneira segura e com o máximo cuidado possível.

Mas a verdade é que se houvesse a conscientização sobre a legalização do consumo, plantio e produção de derivados da cannabis, teríamos uma “nova” indústria que poderia contribuir com impostos ao governo, geração de empregos, movimentação da economia, além de, acesso legal, redução de danos e produtos de qualidade comprovada e melhorada para os que simplesmente e livremente incorporaram a maconha em suas vidas, seja para o consumo de uso medicinal ou social.

Afinal, somos ou não livres?

BANZ-HO!

Fonte

Eco Shoulder Bag
Compre sua Eco Shoulder Bag
Extrações da Cannabis

Extrações

Salve Banzers!
A extração da cannabis é um processo muito antigo, utilizado pelas pessoas para conseguir o máximo de cannabinóides, terpenos e flavonóides possíveis, já que são eles os responsáveis pelo sabor, pelo odor e pelo efeito final do concentrado. Como resultado, o produto final é muito mais potente que a cannabis normal e com mais compostos desejados presentes. Por exemplo, a cannabis em sua forma natural contém até 30% de THC e 24% de CBD, comparado com alguns concentrados que podem ter 99% de pureza!

Durante a extração, a resina é removida da planta. Cera, ácidos graxos e clorofila também são extraídos, pois seu consumo é maléfico e fazem os concentrados ficarem com um sabor desagradável. Existem dois métodos de extração de concentrados.

Extração sem solventes: como o próprio nome diz, nenhum solvente químico é utilizado no processo. Então, tudo o que você precisa é água, calor, pressão e uma peneira.
Extração com solventes: com a alta demanda por produtos cannábicos, a tecnologia para extração de concentrados se torna cada vez mais sofisticada e os produtores vão encontrando novas formas de extrair o melhor da cannabis!

Os concentrados de cannabis estão se tornando cada vez mais populares, vamos conhecer alguns dos métodos de extração mais famosos?

Óleo de Hash Butano (BHO)

A planta é imersa no solvente, o que faz com que os óleos desejados saiam da planta. Para eliminar o solvente residual, a solução é aquecida à vácuo (o butano evapora a baixas temperaturas). Então temos certeza que não há mais solvente e o extrato de cannabis é muito potente! Graças à utilização de hidrocarbonos, podemos atingir até 90% de cannabinóides nos extratos, isso faz com que o BHO seja uma opção popular para muitos pacientes que sofrem de dor crônica, distúrbios do sono e outras doenças.

Extrações-02-BHO


Kief

O Kief se refere àqueles cristais pequeninos, grudentos e translúcidos que cobrem a flor da cannabis, conhecidos como tricomas, que contém a maior quantidade de terpenos e cannabinóides. A extração do Kief é um processo simples, um dichavador com 3 câmaras faz todo o trabalho de separar o kief da planta.

Extrações-03-Kief


Water Hash (Iceolator)

O objetivo e ideia principal por trás da extração com água gelada é isolar a parte superior dos tricomas (que contém óleos essenciais da cannabis), dos galhos e caules da planta, pois não possuem nenhum valor medicinal. Quando separados, as “cabeças dos tricomas” grudam umas nas outras e depois de secos, são prensados para formar o hash!

Extrações-04-Iceolator


Óleo Co2

Os extratos são feitos com dióxido de carbono, que é comprimido até formar um fluido supercrítico. Esse fluido extrai principalmente os óleos essenciais da cannabis, de uma maneira semelhante ao que os hidrocarbonos. Esse método é único pois conta com as características do fluido supercrítico que possui propriedades líquidas e gasosas, permitindo assim dissolver a planta completamente. Comparado ao BHO, esse método é de mais fácil controle e os extratos ficam com mais terpenos (até 10%, no BHO vai de 0,5% à 3,5%).

Extrações-05-CO2


Óleo Rick Simpson (RSO)

A extração por esse método exige que você mergulhe toda a planta numa solução de álcool isopropílico, que extrai os cannabinóides. Após a evaporação dos solventes, o residual é algo semelhante a um alcatrão. Pessoas podem usar o RSO oralmente ou diretamente na pele. Administração sublingual é o método preferido dos pacientes com câncer, não apenas pela comodidade, mas porque através da mucosa oral e das membranas da boca, promove uma rápida absorção diretamente na circulação do paciente, tudo isso devido a biodisponibilidade dos cannabinóides.

Extrações-06-RSO


Haxixe

O hash tradicional (ou haxixe, hasish) é mais um exemplo de extrato adquirido sem utilização de solventes. Novamente a ideia é separar os tricomas da planta já que eles contém a maior concentração de ativos desejados.

Extrações-07-Haxixe


Tinturas

Tinturas são líquidos concentrados feitos de uma extração com álcool. Ele extrai os cannabinóides e os terpenos e não requer utilização de calor. Outra vantagem das tinturas é que podem receber aromas ou sabores. Portanto, tornam-se uma ótima solução para os que não apreciam o sabor da cannabis. Podem ainda ser ingeridas como gotas sublinguais ou como loções em determinadas áreas do corpo.

Extrações-08-Tinturas


Rosin

O Rosin se tornou popular recentemente, pois tudo que você precisa para esse tipo de extração é calor e pressão. Juntos eles extraem um suco da flor, do hash ou do kief. O extrato é suculento e translúcido. Se feito apropriadamente, ele mantém todos os terpenos aromáticos e sua potência pode subir até 70% de THC.

Extrações-09-Rosin


E ai, vamos experimentar todos os tipos de extratos?

Banzai!

Shoulder Bag de Cânhamo do Dr. Banz
Shoulder Bag de Cânhamo do Dr. Banz
X
Add to cart